Portuguese Chinese (Simplified) English French German Italian Japanese Russian Spanish

Workshop do CeMEAI irá resultar em livro e software sobre investimentos financeiros

Experiências e projetos foram compartilhados durante evento realizado na USP São Carlos

 

Na última terça-feira (16), pesquisadores do CEPID - CeMEAI organizaram um Workshop com a intenção de discutir ideias para uso de inteligência computacional, estatísticas e processamento de sinais digitais que auxiliem no reconhecimento de padrões do mercado financeiro. Saiba mais: http://goo.gl/vTi5de

Publicado por CEPID - CeMEAI em Quinta, 18 de fevereiro de 2016

Os pesquisadores Francisco Louzada, Alexandre Delbem e Geraldo Silva, do CEPID-CeMEAI, organizaram, no último dia 16 de fevereiro, na USP em São Carlos, um Workshop com a intenção de discutir ideias para uso de inteligência computacional, estatísticas e processamento de sinais digitais que auxiliem no reconhecimento de padrões do mercado financeiro.

“Nosso primeiro objetivo foi fazer a integração entre os grupos do CeMEAI, envolvendo os pesquisadores da inteligência computacional, modelagem de risco e matemática aplicada, na tentativa de chegarmos a um processo de automação de investimentos”, explicou Louzada.

Ele alerta para a necessidade desses processos no país, especialmente para a importância de um produto final que possa ser utilizado pela população e não apenas instituições financeiras e indústria.

Além dos pesquisadores que dividiram suas experiências com os participantes, o professor da Universidade Federal de Uberlândia, Flavio Barbosa, deu sua contribuição com sua tese sobre previsão de falências. Também participaram Vanderlei Bonato, do ICMC, falando de hardwares de desempenhos dedicados às áreas financeiras, e o aluno de doutorado José Augusto Fiorucci, com um trabalho que destaca um programa para fazer investimentos automatizados na bolsa, os “robôs”. O pesquisador Nikolai Kolev, do IME-USP, também deu sua contribuição.

Para Delbem, a iniciativa de unir esforços para achar soluções mais interessantes, novas e que possibilitem pessoas não experientes na área financeira atuarem nesse negócio foi um grande acerto. “Já encontramos neste primeiro evento pontos fortes de cada um e estamos certos que iremos desenvolver algo diferenciando, mostrando a diversidade do CeMEAI para contribuir com setores fora da área acadêmica”, observou.

Em apenas uma manhã, os resultados práticos já surgiram. Além de evoluírem no projeto de criação de um software capaz de fazer os investimentos automatizados, de forma funcional e eficiente, um manuscrito com experiências e conclusões compartilhadas deve ser publicado.

Nossa ideia é disponibilizar, principalmente para a população de baixa renda, ferramentas para que tenha acesso a investimentos de alta rentabilidade. Em geral, os bancos oferecem investimentos a custos baixos apenas para grandes investidores. Nossa ideia é fazer e popularizar isso. As pessoas terão acesso às publicações e softwares, compartilhando parte dos lucros com o CeMEAI. Agora, é só uma questão de tempo, cerca de um ano, no máximo, para que possamos fazer os testes para demonstrar a eficiência do software”, afirmou Geraldo Silva, também pesquisador do CeMEAI e um dos organizadores do evento.

foto oficial          geral2

 

Sobre o CeMEAI

O Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), com sede no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, é um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) financiados pela FAPESP. O CeMEAI é especialmente adaptado e estruturado para promover o uso de ciências matemáticas (em particular matemática aplicada, estatística e ciência da computação) como um recurso industrial.

As atividades do Centro são realizadas dentro de um ambiente interdisciplinar, enfatizando-se a transferência de tecnologia e a educação e difusão do conhecimento para as aplicações industriais e governamentais. As atividades são desenvolvidas nas áreas de Otimização Aplicada e Pesquisa Operacional, Mecânica de Fluidos Computacional, Modelagem de Risco, Inteligência Computacional e Engenharia de Software.

Além do ICMC, o CEPID-CeMEAI conta com outras seis instituições associadas: o Centro de Ciências Exatas e Tecnologia da Universidade Federal de São Carlos (CCET-UFSCar); o Instituto de Matemática Estatística e Computação Científica da Universidade Estadual de Campinas (IMECC-UNICAMP); o Instituto de Biociências Letras e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista (IBILCE-UNESP); a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista (FCT-UNESP); o Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE); e o Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo (IME-USP).

Raquel Vieira - Assessoria CEPID-CeMEAI

 

Mais informações

Assessoria de Comunicação do CeMEAI: (16) 3373-6609

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.