Portuguese Chinese (Simplified) English French German Italian Japanese Russian Spanish

Comunicação CeMEAI

Comunicação CeMEAI

Seminário de Coisas Legais recebe pesquisadora do CeMEAI

Franklina Toledo apresenta a última edição do evento em 2019

 

fran

 

O que a matemática tem a ver com a dieta? Na próxima sexta-feira (8), a professora Franklina Toledo, do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP em São Carlos, colocará o assunto em pauta na última edição do Seminário de Coisas Legais em 2019.

Franklina, que também é pesquisadora do Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), trabalha com a área de otimização e vai mostrar, de uma maneira divertida, como ela pode ser aplicada à dieta.

O Seminário de Coisas Legais é aberto ao público e não demanda inscrição prévia. O evento terá início às 13h13 e será realizado no auditório “Fernão Stella de Rodrigues Germano”, no bloco 6 do ICMC.

 

Sobre o CeMEAI

O Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), com sede no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, é um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) financiados pela FAPESP.

O CeMEAI é estruturado para promover o uso de ciências matemáticas como um recurso industrial em três áreas básicas: Ciência de Dados, Mecânica de Fluidos Computacional e Otimização e Pesquisa Operacional.

Além do ICMC-USP, CCET-UFSCar / IMECC-UNICAMP / IBILCE-UNESP / FCT-UNESP / IAE e IME-USP compõem o CeMEAI como instituições associadas.

 

Leonardo Zacarin - Comunicação CeMEAI

 

Mais informações

Assessoria de Comunicação do CeMEAI: (16) 3373-6609

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Workshop debate formação do preço de energia elétrica

Evento ocorreu em Florianópolis e teve apoio do CeMEAI

 

IMG 7930  IMG 7984

 

O 1º Workshop on Computing Efficient Energy Prices reuniu, em Florianópolis (SC), especialistas do setor elétrico brasileiro para discutir o impacto dos diferentes mecanismos e metodologia destinados ao cálculo do preço horário da energia elétrica.

O Workshop, que contou com o apoio institucional do Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) e da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) e foi organizado pelo Laboratório de Planejamento de Sistemas de Energia Elétrica (LabPlan), da UFSC, Norus e Norte Energia, contou com a participação de 150 pessoas e dos pesquisadores especialistas nesta área, Claudia Sagastizábal e Paulo J. S. Silva (IMECC/Unicamp).

Paulo colaborou no bloco intitulado Definição do Preço em Modelos com Unit Commitment, ministrando uma palestra plenária sobre conceitos avançados de dualidade relacionados com a definição dos preços horários de energia.

Claudia esteve presente no Painel dedicado a Operação e os Desafios do Preço Horário, debatendo o tema com Mário Daher (Gerente Executivo da ONS), André Diniz (Chefe de Departamento do DEA no CEPEL) e Marcelo Loureiro (Diretor de Energia da ABIAPE).

Únicos representantes da Matemática no evento, Paulo e Claudia falaram sobre resultados do trabalho iniciado em 2018 para aproximar o CeMEAI dos problemas reais do setor elétrico brasileiro. “Tanto as apresentações, quanto as perguntas e discussões da plateia, ensejam a reflexão sobre a importância de continuar a fortalecer a colaboração entre a indústria da energia e o setor acadêmico”, observou Claudia.

“Poder participar do evento foi de fato um privilégio. Reuniões deste tipo apresentam oportunidades únicas para a matemática industrial, pois permitem interagir de modo direto com profissionais do mais alto nível do setor, que trabalham cotidianamente no problema de planejamento ótimo da geração de energia no país. As discussões e questionamentos levantados no workshop enriqueceram a nossa visão dos problemas de otimização a serem resolvidos e abriram vários interrogantes a nível de modelagem, com potencial de se tornarem linhas de pesquisa. Esperamos poder continuar a participar de encontros deste tipo no futuro”.

Ainda segundo a pesquisadora, os assuntos tratados no workshop em Florianópolis se apresentam como uma continuidade natural dos problemas de energia discutidos nas edições de 2018 e deste ano do Workshop de Soluções Matemáticas para Problemas Industriais, com apoio da Engie-Impact e do Cepel. “Estas considerações adquirem relevância particular em vista da entrada em operação do modelo DESSEM desenvolvido pelo Cepel, que será usado pelo ONS para definir a programação diária do sistema interligado nacional, a partir de janeiro de 2020”, finalizou Claudia.

 

Sobre o CeMEAI

O Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), com sede no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, é um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) financiados pela FAPESP.

O CeMEAI é estruturado para promover o uso de ciências matemáticas como um recurso industrial em três áreas básicas: Ciência de Dados, Mecânica de Fluidos Computacional e Otimização e Pesquisa Operacional.

Além do ICMC-USP, CCET-UFSCar / IMECC-UNICAMP / IBILCE-UNESP / FCT-UNESP / IAE e IME-USP compõem o CeMEAI como instituições associadas.

 

Raquel Vieira- Comunicação CeMEAI

 

Mais informações

Assessoria de Comunicação do CeMEAI: (16) 3373-6609

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

“A Terceira Margem” fala sobre ciência orientada a soluções

Apresentação de Martin Tygel defendeu mudanças no sistema acadêmico

 

O ciclo de palestras “A Terceira Margem” que ocorre no Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica (IMECC) da Unicamp trouxe em sua mais recente edição, realizada na terça-feira,29, uma visão transformadora de educação proposta pelo apresentador, o professor titular aposentado do IMECC Martin Tygel. Ele falou sobre suas experiências com os campos acadêmico, científico e profissional e os desafios que vêm surgindo nos mais diferentes setores da educação.

Veja como foi:

 

“A Terceira Margem” fala sobre ciência orientada a soluções

Na tarde desta terça-feira, o Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica recebeu mais uma edição do ciclo de palestras "A Terceira Margem". Confira como foi a apresentação do professor aposentado Martin Tygel:

Publicado por CEPID - CeMEAI em Quarta-feira, 30 de outubro de 2019

IMECC promove nova edição de “A Terceira Margem”

Ciclo de palestras recebe o professor aposentado Martin Tygel

 

a3m tygel

 

Na próxima terça-feira (29), o Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica (IMECC) da Unicamp receberá mais uma edição do ciclo de palestras “A Terceira Margem”, que tem como objetivo principal apresentar, de forma leve e didática, aplicações da matemática no mundo real e suas aproximações com outras áreas do conhecimento.

O palestrante da vez será o professor titular aposentado do IMECC Martin Tygel, que falará sobre suas experiências com os campos acadêmico, científico e profissional e os desafios que vêm surgindo nos mais diferentes setores da educação. Confira o resumo da apresentação:

“Com o advento e uso maciço da internet e derivadas tecnologias da informação, o conhecimento, em particular o conhecimento científico, ficou praticamente acessível a uma população muito maior do que aquela formada por tradicionais detentores de formação específica. Em outras palavras, tornaram-se comuns contribuições, muitas vezes de alto conteúdo técnico, formuladas por atores fora do âmbito dos usuais especialistas, por exemplo possuidores de educação acadêmica nas áreas envolvidas. Tal situação tem colocado em xeque o sistema de educação formal acadêmica que ainda vive atrelado à rígida divisão de áreas estanques, com interação mínima entre elas. É interessante notar que o conservadorismo acadêmico contrasta com a nova postura das agências de fomento, as quais demandam a solução de problemas complexos, os quais exigem o envolvimento de várias áreas e formações. Utilizo a denominação “Ciência orientada a soluções” à nova postura, tanto dos setores públicos como dos privados, de demandas bem mais qualificadas de retorno à sociedade do investimento educacional e científico realizado. Neste contexto, relato de maneira crítica minhas trajetórias, escolhas e experiências nos âmbitos acadêmico, científico e profissional de modo a, assim espero, contribuir e abrir horizontes para enfrentar os desafios com que ora nos defrontamos”.

A palestra terá início às 13h e será realizada no auditório do próprio IMECC. O evento é aberto ao público e não é necessária inscrição prévia.

 

Sobre o CeMEAI

O Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), com sede no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, é um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) financiados pela FAPESP.

O CeMEAI é estruturado para promover o uso de ciências matemáticas como um recurso industrial em três áreas básicas: Ciência de Dados, Mecânica de Fluidos Computacional e Otimização e Pesquisa Operacional.

Além do ICMC-USP, CCET-UFSCar / IMECC-UNICAMP / IBILCE-UNESP / FCT-UNESP / IAE e IME-USP compõem o CeMEAI como instituições associadas.

 

Leonardo Zacarin - Comunicação CeMEAI

 

Mais informações

Assessoria de Comunicação do CeMEAI: (16) 3373-6609

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

CeMEAI apoia evento na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Caminho das Startups debateu projetos empreendedores de diferentes áreas

 

 

A edição 2019 da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia ocorre entre os dias 19 e 27 de outubro, também em São Carlos, com o tema “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”. Os eventos são gratuitos e abertos a todos os interessados.

O Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e Inovação (SMMACTI) de São Carlos em parceria com a Agência de Inovação da UFSCar, Centro Avançado EESC para Apoio à Inovação – EESCIn/USP, Embrapa Instrumentação e Sebrae realizaram o evento Caminho das Startups que ocorreu no auditório da EMBRAPA Instrumentação, com abertura do Chefe Geral, João de Mendonça Naime.

O evento teve dois blocos. No período da manhã foram discutidas as oportunidades e os desafios em São Carlos para as startups, com apresentação da Liga de Empreendedorismo de São Carlos (LESC) e também empreendedores ligados à Embrapa Instrumentação, a Agrorobótica e a Fine Instrument Technology (FIT). A agenda incluiu ainda apresentações das startups Langue e Sigalei, ligadas ao Sebrae; Chances e Kopp Technologies, conectadas à Universidade Federal de São Carlos (UFSCar); e Triângulos Tecnologia e iSports, vinculadas à USP e apoiadas pelo CeMEAI.

O projeto iSports – sistema que coleta dados e identifica talentos no esporte, está se transformando em uma startup. O trabalho, coordenado pelo professor Francisco Louzada Neto, teve início em 2012. Durante sua apresentação no evento Caminho das Startups, Caroline Godoy falou sobre o foco que o projeto teve no futebol e que, no início de 2019, a equipe foi procurada pela Comissão Brasileira de Judô, também interessada em identificar atletas profissionais que mais se destacam por intermédio de análises estatísticas. “A CBJ tem cerca de 27 federações no país que treinam seus atletas para competições internacionais. São mais de 200 mil atletas profissionais que a CBJ tem interesse em identificar talentos. Estamos desenvolvendo uma plataforma web de captação e análise estatística de dados desses atletas em tempo real e desenvolvendo um aplicativo para disponibilizar para as pessoas que praticam o esporte”, explicou Caroline.

Outra startup que conta com o apoio de pesquisadores do CeMEAI é a Triângulos Tecnologia. “A parceria com o CeMEAI foi motivadora e teve importante contribuição no início de nossa startup que desenvolve, atualmente, soluções web, sempre aliando a possibilidade de atender o mercado e seguir com as pesquisas acadêmicas para levar novas tecnologias à sociedade”, comentou Pedro Arantes, um dos sócios da Triângulos.

As atividades do evento foram também coordenadas pelo professor Alexandre Delbem, do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP e pesquisador do CeMEAI. Ele falou sobre os objetivos do evento Caminho das Startups. “O primeiro objetivo era identificar o potencial de São Carlos para Startups, os desafios e possíveis soluções, também aumentar a sinergia entre elas, instituições de pesquisa da cidade e prefeitura, por meio do conhecimento das iniciativas de cada órgão. O evento poderá contribuir ainda com a criação de startups GovTech, que buscam soluções inovadoras para o setor público, principalmente a Prefeitura de São Carlos, acelerando o processo de transformação da pesquisa acadêmica em soluções para a sociedade”, explicou.

O CeMEAI também esteve representado no período da tarde nas atividades que discutiram ações institucionais no ambiente de inovação de São Carlos.

 

Sobre o CeMEAI

O Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), com sede no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, é um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) financiados pela FAPESP.

O CeMEAI é estruturado para promover o uso de ciências matemáticas como um recurso industrial em três áreas básicas: Ciência de Dados, Mecânica de Fluidos Computacional e Otimização e Pesquisa Operacional.

Além do ICMC-USP, CCET-UFSCar / IMECC-UNICAMP / IBILCE-UNESP / FCT-UNESP / IAE e IME-USP compõem o CeMEAI como instituições associadas.

 

Sobre a SNCTC

A SNCT (estabelecida pelo decreto de 9 de junho de 2004) é realizada sempre no mês de outubro, sob a coordenação do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) por meio da Coordenação-Geral de Popularização da Ciência (CGPC) e conta com a colaboração de secretarias estaduais e municipais, agências de fomento, espaços científico-culturais, instituições de ensino e pesquisa, sociedades científicas, escolas, órgãos governamentais, empresas de base tecnológica e entidades da sociedade civil.

O objetivo é aproximar a Ciência e Tecnologia da população, promovendo eventos que congregam centenas de instituições a fim de realizarem atividades de divulgação científica em todo o País.

 

Raquel Vieira- Comunicação CeMEAI

 

Mais informações

Assessoria de Comunicação do CeMEAI: (16) 3373-6609

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

APRENDIZADO BASEADO EM PROBLEMA INDUSTRIAL HÍBRIDO (hiPBL) COMO ATIVIDADE DE TRANSFERÊNCIA TECNOLÓGICA no ICMC-CeMEAI: O CASO DA ESTATÍSTICA

 

A metodologia de Aprendizado Baseado em Problema (PBL) visa aumentar a praticidade, retenção e aplicabilidade dos conhecimentos. Especificamente em estatística, esta metodologia prima por analisar e interpretar um conjunto de dados convertendo-o em conhecimento útil. PBL tem se mostrado uma boa alternativa à metodologia tradicional de ensino, com altos níveis de satisfação dos alunos. No ICMC-USP, resultados positivos no tocante da implementação dessa metodologia, adaptada às disciplinas de estatística, tanto em nível de graduação quanto de pós-graduação, estão sendo obtidos e corroboram com a expectativa de engajamento ativo dos alunos em sala. Em especial, procedemos com uma estrutura adaptada em que os alunos, concomitantemente, recebem treinamento para os tópicos constantes nas ementas das disciplinas, mas focam na solução de problemas industriais reais, o que chamamos de Aprendizado Baseado em Problema Industrial Híbrido (hiPBL).

 

PROJETOS DESENVOLVIDOS UTILIZANDO HIPBL

 

TRABALHOS DESENVOLVIDOS USANDO HIPBL

 

REPORTAGENS SOBRE A METODOLOGIA E DEPOIMENTOS DOS ALUNOS

Íntegra - Seminário de Coisas Legais: Simetria: encontro da Arte com a Matemática

 

Na última semana, o Seminário de Coisas Legais recebeu Marcelo Viana, diretor-geral do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), para falar sobre simetria. Confira a íntegra da apresentação!

 

Íntegra - Seminário de Coisas Legais: Simetria: encontro da Arte com a Matemática

Na última semana, o Seminário de Coisas Legais recebeu Marcelo Viana, diretor-geral do IMPA - Instituto de Matemática Pura e Aplicada, para falar sobre simetria. Confira a íntegra da apresentação:

Publicado por CEPID - CeMEAI em Segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Íntegra - Seminário de Coisas Legais: A Conjectura BSD

 

O Seminário de Coisas Legais da última sexta-feira (11) foi apresentado por Eduardo Walchek, aluno do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP em São Carlos. Confira a íntegra da apresentação sobre a Conjectura BSD:

 

Íntegra - Seminário de Coisas Legais: A Conjectura BSD

O Seminário de Coisas Legais da última sexta-feira (11) foi apresentado por Eduardo Walchek, aluno do Icmc Usp. Confira a íntegra da apresentação sobre a Conjectura BSD:

Publicado por CEPID - CeMEAI em Quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Arte e Simetria na visão de Marcelo Viana

Diretor do IMPA apresentou o Seminário de Coisas Legais

 

Em visita ao Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) nesta quarta-feira (16), para uma Aula Magna, o diretor do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) Marcelo Viana também falou para o público do Seminário de Coisas Legais, que tem como organizadores os professores Leandro Aurichi e Marina Andretta.

A apresentação falou sobre Arte e Simetria. Veja mais na reportagem:

 

Arte e Simetria na visão de Marcelo Viana

O Seminário de Coisas Legais teve uma edição especial nesta quarta-feira. O convidado foi o diretor-geral do IMPA - Instituto de Matemática Pura e Aplicada Marcelo Viana. Veja como foi o evento:

Publicado por CEPID - CeMEAI em Quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Marcelo Viana, do IMPA, apresentará Seminário de Coisas Legais

“Arte e Matemática” é o tema do evento que ocorrerá nesta quarta-feira (16)

 

marcelo viana

Créditos da imagem: IMPA

 

Pela primeira vez, desde que foi criado, o Seminário de Coisas Legais, ocorrerá em uma quarta-feira e não às sextas, como de costume. O motivo é que os organizadores irão aproveitar a Aula Magna de Marcelo Viana, Diretor do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) no ICMC/USP.

A apresentação no Seminário, intitulada Simetria: encontro da Arte com a Matemática, terá início às 11h11, no auditório Fernão Stella de Rodrigues Germano, no bloco 6 do ICMC.

Confira o resumo da apresentação: Matemática e arte têm muito em comum. No entanto, algumas das manifestações mais badaladas da matemática na produção artística (tais como certas ocorrências mais ou menos hipotéticas da razão áurea) não são particularmente profundas. Focarei um tópico em que as intuições artística e matemática se encontram de modo realmente efetivo: simetria.

O evento é aberto ao público interessado e não é necessária prévia inscrição.

 

Sobre o CeMEAI

O Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), com sede no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, é um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) financiados pela FAPESP.

O CeMEAI é estruturado para promover o uso de ciências matemáticas como um recurso industrial em três áreas básicas: Ciência de Dados, Mecânica de Fluidos Computacional e Otimização e Pesquisa Operacional.

Além do ICMC-USP, CCET-UFSCar / IMECC-UNICAMP / IBILCE-UNESP / FCT-UNESP / IAE e IME-USP compõem o CeMEAI como instituições associadas.

 

Raquel Vieira- Comunicação CeMEAI

 

Mais informações

Assessoria de Comunicação do CeMEAI: (16) 3373-6609

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Página 7 de 86